Dois convênios são assinados por Município e Santa Casa

Assinado em 9 de fevereiro, o Convênio nº 322/2017, celebrado entre Município e Santa Casa de Misericórdia de Araras, tem como objetivo o custeio do Pronto-Socorro do Hospital São Luiz, nos termos determinados pela Lei Orgânica do Município, para a prestação de serviços 24 (vinte e quatro) horas por dia, de forma contínua e ininterrupta, de Pronto Atendimento, Urgência e Emergência, abrangendo atendimento médico-hospitalar por um corpo clínico constituído por médicos plantonistas, enfermeiros, auxiliares/técnicos em enfermagem, técnicos em gesso e técnicos em raio X. Também abrange o serviço administrativo constituído por recepção, faturamento, limpeza, portaria e, no mínimo, 12 (doze) leitos de observação, utilizando medicamentos constantes de anexo específico, materiais e insumos adquiridos por meio do Departamento de Compras da Santa Casa. O convênio é válido por 12 meses, retroagindo os seus efeitos a partir de 1º de janeiro de 2017.

O valor do empenho é de  R$ 7.175.842,80 e os repasses mensais são de R$ 597.986,90

Convênios firmados têm vigência de um ano, sendo retroativos a 1º de janeiro de 2017

Convênios firmados têm vigência de um ano, sendo retroativos a 1º de janeiro de 2017

Também assinado em 9 de fevereiro o convênio 323/2017, entre município e Santa Casa, tem por objeto “o custeio do pagamento de 55% dos honorários dos médicos que trabalham em regime de Plantão Presencial de Ortopedia, visando o atendimento dos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) com apoio no Pronto-Socorro e demais departamentos da Santa Casa, estendendo-se as situações de intercorrências de enfermarias e realização de cirurgias de urgência e emergência no centro cirúrgico”. Entende-se por Plantão Presencial de Ortopedia a disponibilidade exclusiva para atendimentos de urgência e emergência com livre demanda e encaminhamento referenciado através da porta de entrada do Pronto-Socorro, demais departamentos da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Araras, bem como pela rede pública de saúde. A vigência é de 12 meses, contados a partir de 1º de janeiro de 2017 e até 31 de dezembro de 2017. Valor do repasse em mês de 28 dias será de R$ 36.065,21, meses de 30 dias será de R$ 38.641,29, meses de 31 dias será de R$ 39.929,33, totalizando no ano R$ 470.135,68.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Copyrıght Grupo Opinião. Todos os direitos reservados.