Telma (capa)

Professora dá dicas para melhor desempenho no Enem 2017

Faltam menos de 30 dias para um dos exames mais esperados pelos alunos do ensino médio. Nos dias 5 e 12 de novembro acontecem as provas do Enem 2017 (Exame Nacional do Ensino Médio). A avaliação, que é dividida em dois dias, necessita de uma preparação que vai além do conhecimento e também do mental e físico, já que ao todo, são quase dez horas de duração.

Sabendo das dificuldades e curiosidades que alguns alunos de Araras têm sobre a realização do exame, a reportagem do Opinião conversou com a professora Telma Piccin, do Colégio Liceu Anglo Araras – instituição na qual obteve o melhor desempenho por escolas na edição de 2015 do Enem na cidade – sobre dicas para um melhor desempenho no exame.

Diferente das edições anteriores, as provas deste ano serão aplicadas em dois domingos (5 e 12) do próximo mês e, segundo a docente, esta mudança pode ajudar o candidato no desempenho da avaliação. “Eu acredito que essa separação em duas etapas vai dar mais tempo hábil para o aluno conseguir responder as questões, dando a ele mais tranquilidade. Outro ponto positivo: se foi mal na primeira prova, ele terá um prazo maior pra se preparar e ter um melhor desempenho na segunda avaliação”, destacou.

A professora Telma Piccin, do Colégio Liceu Anglo Araras, deu dicas para realização do exame que acontece em novembro

A professora Telma Piccin, do Colégio Liceu Anglo Araras, deu dicas para realização do exame que acontece em novembro

Já para as questões das disciplinas que cairão no exame, Telma recomenda que o aluno tenha muita atenção ao respondê-las. “O enunciado das questões da prova é extenso e com isso exige muita atenção do aluno. Se o candidato não está entendendo a questão recomendo que não perca muito tempo com aquela pergunta que gerou dúvida, pois isso pode ‘cansar’ o raciocínio. Então o correto é pular esta questão e seguir para outra, deixando-a para resolver depois”, ressaltou.

Por fim, em redação, a professora deu dicas para o desenvolvimento do texto. “Sugiro que leia com muita atenção o tema, procurar não fugir dele e seguir as técnicas de uma redação dissertativa”, salientou. “E o mais importante de tudo: tomar cuidado com os posicionamentos, pois, dependendo do tema da redação, se o aluno abordar o assunto de uma forma muito polêmica ele pode perder uma pontuação muito grande”, concluiu a professora.

No primeiro dia de prova, os candidatos terão cinco horas e meia para fazer as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias; Redação; Ciências Humanas e suas Tecnologias. Já no segundo dia, serão quatro horas e meia para as de Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Matemática e suas Tecnologias.

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *


Copyrıght Grupo Opinião. Todos os direitos reservados.